GOVERNO ESTABELECE METAS E OBJETIVOS.

22/05/2015 08:43

Cinco meses após tomar posse, o governador José Ivo Sartori e os secretários estaduais assinaram nesta quinta-feira o Acordo de Resultados com metas a serem cumpridas até o final do ano. Em seu discurso na cerimônia, Sartori defendeu o trabalho integrado para o Estado superar as dificuldades. “Ninguém é dono de uma secretaria.Todos nós estamos a serviço do Rio Grande do Sul e vamos trabalhar de forma integrada”, disse o governador.

Sartori afirmou ainda que o cumprimento de metas será essencial para encontrar uma solução para as dificuldades financeiras do Estado. “Ninguém vive só de esperança. É preciso encontrar uma solução para o problema. E não será da noite para o dia. Não existe mágica ou segredo. Existe planejamento, trabalho e o cumprimento das metas assumidas com a sociedade gaúcha. Com planejamento, energia e competência, vamos crescer pelo bem de todos, pelo bem do Rio Grande”, afirmou.

O documento assinado foi elaborado com base em análise das necessidades mais urgentes de cada Pasta e debatido em reuniões com o secretariado, com a participação do governador José Ivo Sartori. De acordo com Sartori, trata-se de um compromisso com a sociedade. O planejamento validado abrange três dimensões: indicadores de desempenho, ações e indicadores de eficiência da gestão, e projetos prioritários para 2015.

“Estamos iniciando um novo conceito de gestão pública, com a construção de uma rede de governança que prioriza as demandas da sociedade. Queremos um governo mais eficiente na aplicação de recursos, mais ágil e menos burocrático, que, de forma transparente, dialogue com a população e entregue serviços de qualidade”, afirma o secretário Geral de Governo, Carlos Búrigo.

No Acordo de Resultados, estão contemplados os quatro eixos que fazem parte do Mapa Estratégico do Governo do Estado, construído ainda em dezembro de 2014. São eles: Econômico, Social, de Infraestrutura e Ambiente, e Governança e Gestão.

Caberá à Secretaria-Geral de Governo organizar e monitorar a Rede de Governança Central do Estado. Ela será formada pelas Redes de Governança Locais, pertencentes a cada uma das secretarias estaduais. Cada Pasta terá, por sua vez, a incumbência de supervisionar a execução de ações e projetos pelos órgãos vinculados.

“Precisamos primar pela integração de todos os organismos em cada secretaria, para que, de forma afinada e com diálogo permanente, possamos, em ação conjunta, avançarem qualidade. Para isso, necessitamos de mobilização e de planejamento coletivo”, destaca o governador José Ivo Sartori.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!