Grêmio luta, mas só empata com o Fluminense e cai na Copa do Brasil

01/10/2015 09:27

A Arena até rugiu, mas não foi o suficiente para o Grêmio superar o Fluminense na noite desta quarta-feira, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Apesar do apoio maciço do torcedor – que encheu as arquibancadas – o duelo de Tricolores terminou empatado em 1 a 1, e como o jogo de ida terminou 0 a 0, os cariocas se deram melhor e estão nas semifinais do torneio. 

O Fluminense abriu o placar nesta quarta-feira com Fred, no primeiro tempo. Na etapa final, o Grêmio reagiu com Bobô, mas não foi suficiente. Agora tendo apenas o Brasileirão pelo restante da temporada, o Grêmio volta a campo no domingo, às 16h, contra o Cruzeiro, no Mineirão. O time gaúcho inicia 29ª rodada na terceira colocação, a dois pontos do vice-líder Atlético-MG. 

Fred marca no final do primeiro tempo

A partida começou com as duas equipes trocando passes para analisar a forma como o adversário se defendia. Até os sete minutos, nenhuma chance de gol. Após troca de passes, Douglas arriscou de fora da área, mas a bola saiu fraca e passoupróximo ao poste esquerdo do goleiro Diego Cavalieri. A resposta ocorreu quatro minutos depois. Scarpa passou por Galhardo e cruzou rasteiro, Gerson desviou de letra e Grohe fez tranquila defesa.

O Tricolor gaúcho voltou a levar perigo para o Flu aos 19 minutos. Galhardo chutou cruzado de dentro da área e Erazo, entrando nas costas da defesa, deu um carrinho e colocou o pé na bola. Ela subiu, explodiu no travessão dos cariocas e saiu pela linha de fundo. Apesar de bastante disputado e com domínio do Grêmio, o jogo parava constantemente pela intensa combatividade das duas equipes com faltas e laterais.

Até os 30 minutos, o Grêmio dominava as ações ofensivas e procurava as laterais para chegar até área do Fluminense, que aguardava no campo defensivo para contra-atacar em velocidade. Entretanto, os comandados de Roger Machado conseguiam bloquear as jogadas do adversário.

Na sequência, o clube carioca passou a dividir as ações ofensivas com o Tricolor. Aos 30, Cícero invadiu a área, se chocou com o marcador e acabou caindo. Porém, o árbitro Ricardo Ribeiro entendeu como jogada normal e mandou seguir a jogada. Três minutos depois, Gerson arriscou de fora da área e Marcelo Grohe fez a defesa. Um minuto depois, Pierre arriscou da entrada da área, a bola subiu e passou sobre o travessão de Grohe.

Aos 39 minutos, após cruzamento da direita de Marcos Júnior, Fred saltou entre dois zagueiros e cabeceou no canto direito de Marcelo Grohe, que saltou, mas não alcançou a bola: gol. E a situação não piorou logo a seguir por pouco, pois Marcos Júnior cruzou da direita e obrigou a Grohe a saltar e empurrar a bola pela linha de fundo.

Ainda deu tempo para o Grêmio construir a sua melhor oportunidade do primeiro tempo aos 44. Douglas cobrou escanteio da esquerda de ataque, Erazo cabeceou e Cavalieri saltou para a direita e fez excelente defesa. 

Bobô faz, mas Grêmio não consegue a virada

No segundo tempo, Roger retirou o volante Walace, que tinha cartão amarelo, e colocou o centroavante Bobô. Entretanto, o primeiro a levar perigo a meta adversária foi o Fluminense. Aos três, Cícero arriscou de fora da área e obrigou Marcelo Grohe a fazer a defesa em duas oportunidades. No lance seguinte, Pedro Rocha chutou de fora da área e Cavalieri fez a defesa.

Aos seis, Giuliano recebeu carrinho de Marlon, tropeça e cai dentro da área. O juiz Ricardo Ribeiro entendeu como jogada normal e mandou seguir. Depois deste lance, as duas equipes passaram a dividir as jogadas ofensivas.

Na sequência, Roger retirou Douglas e Pedro Rocha para colocar Fernandinho e Maxi. As alterações surtiram efeito e o Grêmio chegou ao empate aos 29 minutos. Bobô aproveitou passe de nuca de Giuliano e chutou de primeira sem chances para Cavalieri. O Tricolor, assim, ficava a mais um gol das semifinais. 

Após o gol aumentou a pressão em azul, preto e branco. Aos 36, Galhardo arriscou de fora da área e a bola passou rente ao travessão de Cavalieri. Um minuto depois, Maxi cruzou da direita, Fernandinho, sem marcação, cabeceou e o goleiro do Fluminense espalmou pela linha de fundo. Giuliano cobrou da direita um escanteio na cabeça de Erazo, que cabeceou próximo ao travessão.

O Tricolor gaúcho seguiu pressionando, mas não conseguiu ampliar. Com o resultado, fim de competição para o Grêmio que foca agora no Campeonato Brasileiro.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!